Saúde A-Z

SUPLEMENTOS ALIMENTARES NAS CRIANÇAS

A alimentação das crianças está entre as maiores preocupações dos pais. Esse cuidado começa logo com a amamentação e, de seguida, com a introdução alimentar, o desafio aumenta. É nesta fase que se inicia a formação do paladar das crianças, sendo importante o estímulo do consumo de alimentos saudáveis e variados, para que as preferências alimentares persistam por toda vida. Uma alimentação adequada, não só promove o crescimento saudável, como também, tal como indicam vários estudos, contribui para a redução do risco de desenvolver obesidade e doenças cardiovasculares na fase adulta.

Ao longo deste período, há crianças que passam por um período de seletividade alimentar, escolhendo comer o que lhe é mais agradável ao paladar, alimentos de uma determinada textura, ou até mesmo, apenas alguns alimentos como arroz ou massa, rejeitando outros como por exemplo, fruta ou vegetais. Apesar disto, a criança continua com o tamanho e peso dentro dos parâmetros normais para a idade, o que não quer dizer que os alimentos que esteja a ingerir sejam nutricionalmente equilibrados. Nesta situação, algumas vitaminas, como a C, a D e as do complexo B, e minerais, como o selénio e o zinco, são ingeridos em menores quantidades do que o desejável para o bom funcionamento do organismo.

Dependendo da extensão da carência vitamínica e mineral, o crescimento e o desenvolvimento cognitivo poderá ser afetado, assim como o sistema imunitário, a energia necessária para as atividades do dia a dia e a atenção na escola. Em situações mais graves, a dificuldade alimentar pode ter consequências mais severas, como o aumento de doenças crónicas ou até a evolução para um quadro de distúrbio alimentar.

Promover uma alimentação infantil saudável, rica e variada, é muito importante para obter boas fontes de vitaminas e minerais. Fazer com que os filhos comam bem parece uma verdadeira missão impossível e, muitas vezes, os pais recorrem a vitaminas e minerais para compensar o desequilíbrio nutricional. 

Em consequência do rápido crescimento e desenvolvimento, as crianças representam um grupo etário sujeito a uma grande vulnerabilidade para a deficiência em macro e micronutrientes. Assim, dependendo da dieta ingerida, do ritmo de crescimento e das atividades desenvolvidas pela criança, poderá haver necessidade de suplementação. 

A toma de suplementos alimentares nas crianças deve ser precedida de aconselhamento por um profissional de saúde. A sua utilização é benéfica, desde que devidamente acompanhada.

As famílias devem promover uma alimentação saudável e um bom planeamento das refeições semanais, de modo a promover o correto desenvolvimento físico, psíquico e imunológico da criança.

Olhe por si, olhe pela sua saúde e ESCOLHA UMA VIDA MAIS SAUDÁVEL! Para mais informações, clique aqui.

Fechar

VELDERMA Creme Hidratante

32,00
1 Kg de Creme Hidratante

Indicações:

  • Pele seca e sensível
  • Pele irritada e descamativa

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *